Óleo de coco: benefícios e como usar
March 13, 2019
O poder do chá nas nossas vidas.
March 13, 2019

Corte de Legumes

Antes de começarmos com a lista dos cortes de vegetais mais usados deixo-vos algumas dicas gerais devem ser consideradas para que o resultado fique perfeito.

Mas é importante reforçar que, se é iniciante na cozinha, deve ter persistência, pois no inicio, os cortes podem ficar desiguais. Mas não desista! Com o tempo e a prática, a habilidade torna-se intuitiva e tudo fica mais fácil.

Dicas:

  • Os cortes devem ser uniformes tanto no tamanho, como na forma, para que cozinhem por igual e tenham uma boa apresentação;
  • Use uma faca de qualidade e bem afiada;
  • Para cortar vegetais, não utilize a mesma tábua em que corta as carnes;
  • Coloque uma toalha húmida por debaixo da tábua para que ela não escorregue;
  • Use um bom descascador para aproveitar ao máximo o alimento;
  • Preste atenção na posição de seus dedos, eles devem estar recolhidos sob o alimento formando a famosa “mão de aranha”;

Tipo de Cortes de Vegetais que existem… Menciono os mais usados em vegetais. A terminologia é francesa como a maioria das técnicas clássicas gastronómicas… por isso não estranhem…

  • Corte chiffonade – é um tipo de corte específico para verduras, em tiras bem finas, como o que é feito na couve refogada que é servida de acompanhamento para a feijoada. Também é usado para o corte de algumas ervas, como manjericão e «salssinha».
  • Corte brunoise – é um corte em cubos minúsculos, de 0,3 cm x 0,3 cm x 0,3 cm. Normalmente, este corte é feito a partir do corte julienne bem fino. Os legumes cortados à brunoise são ideais para saltear pois têm um cozimento rápido e também como recheio para preparações. Este corte também é muito utilizado para cebolas e cogumelos.
  • Corte macedoine – corte em cubos um pouco maiores que o brunoise, de 0,5 cm x 0,5 cm x 0,5 cm.
  • Corte allumette – é o famoso corte batata-palha, em tiras bem finas e delicadas. Os pedaços ficam com a espessura de um palito de fósforo.
  • Corte cubos ou dados – podem variar entre pequenos (0,6cm x 0,6 cm x 0,6 cm), médios (1 cm x 1cm x 1cm) e grandes (2cm x 2 cm x 2cm).
  • Corte julienne – é o mais versátil dos cortes, feito em finos bastões de 0,3 cm x 0,3 cm x 0,6 cm. Os legumes cortados em julienne podem ser usados para enfeitar, cozinhar no vapor, fritar, refogar ou crus.
  • Corte paysanne – corte em formatos irregulares, losangos, cubos, redondos e ovais todos juntos.
  • Corte parisienne – também conhecido como noisette, é um corte em formado de pequenas esferas feitas com «boleador» de melão.
  • Corte rondelle -o clássico corte em rodelas, podem ser mais finas ou mais grossas, dependendo da receita a ser preparada e do vegetal escolhido.
  • Corte batton – é o corte da batata-frita, em bastões grandes com dimensões 1,5 cm x 1,5cm x 7 cm.
  • Corte battonnet – Uma variação do batton, com espessura mais fina. Dimensões 0,6 cm x 0,6 cm x 7 cm.
  • Corte gomos –  é o corte da batata rústica, com formato parecido as «barquinhas». Bastante usado para tomates, pepino e «abobrinhas»

Agora que conhece os principais cortes de vegetais é só treinar e fazer pratos super saborosos e saudáveis.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *